Páginas

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

TWO YEARS AGO ...!

* Eu, indico a leitura até o final. Aposto que vocês vão gostar, e se identificarcom a história também. Afinal, quem nunca sofreu por amor ?


2007. ano. Eu nao me lembro bem, mais parecia com uma nerdzinha que ainda discutia com as amigas. Odiava a ideia de gostar de alguém e nao lia livros de romance. Escutava os discos que meus pais escutavam. Vestia as roupas que minha mãe comprava. Não tinha blog. Nem orkut. Analfabeta virtual. Noob. Opção minha.

Meodeos, quem me conheceu à dois anos atrás, nao me reconheceria hoje
A menina que se escondia, nao tinha interesse em musica, política e religião praticamente sumiu. O que ainda hoje resta, é pura essência.
Para todas mudanças, há uma causa. Foi no final de 2007. Ano novo. Vestido branco. Vizinhos novos. Juazeiro. Cheguei na festa e fiquei isolada, sentada, desmontando um teclado de computador. oO  sério, eu fiz isso.
A pessoa que mudaria minha vida estava ali. Rondando, praticamente me ignorando. Por mais que ele me chamasse atenção a todo instante, eo preferia me sufocar no meu mundinho. Aí, passou. Voltei pra casa. Um ano começava, 2008 !

Fiz um orkut, msn. Nao tinha camera digital, colocava aqelas fotozinhas noobs que tem no GOOGLE. Continuava a mesma. Comprei uma camera, comecei a bater aqelas fotos idiotas da época do paz&amor \./ . Tentei virar emo. Consegui o msn dele. Passei a conversar e tals, com aquelas gírias e acentos que entupiam o msn de capenguísséeh ! (rs,) Durante as conversas, eu começei a mudar meu estilo musical, que assim como o dele, foi vertendo mais para o lado do rock. Escutava Guns n'roses e Aerosmith. Chorava com Sweet Child o'mine. O tempo parecia nao passar. Até que o fim do ano chegou. Consegui vê-lo. Não tive coragem de me declarar. Não me declarei até hoje, poisé. Choreei todos os dias de janeiro, nao conseguia me olhar no espelho. Totalmente chateada, derrubada. Tomei a decisão de perseguir uma nova oportunidade. Desisti. Larguei com esse papo emo, procurei a felicidade. Fiz novas amizades. Cortei o cabelo, pintei de vermelho. Mudei de espelho. Entrei no mundo da moda, comecei a pensar diferente. Abandonei fotos capengas. Comecei a acessar a CH onn e ficar por dentro de tudo. Mudei meu estilo 100%, agora só me faltava alta-estima. Consegui à poucos dias. Reencontrei ele em uma festa. Na mesma festa que se declararam pra miim. Não, nao foi declaração dele. Apesar de saber que muitas pessoas ficaram achando que eu preferiria que aqela rosa que eo recebi fosse dele, eu nao queria que fosse assim. Adorei a oportunidade de mostrar a ele que eu tenho valor, e que pra ficar com ele só se for por amor !


E aí, já sofreram por um amor assim ? Contem, desabafem, troquem experiências !

4 comentários:

*MaяiH* disse...

Cara, parece que sou eu narrando minha vida.Eu tb era super nerd e etc e só pensava em estudar.Só que aí minha super amiga que era tão timida e nerd como eu repetiu de ano, eu tive de arrumar novos amigos.e me enturmar.E aii eu fui ver como é bom viver.Td benhê que de vez em quanto, quando alguém me xinga ou me dá um fora grande, eu penso que seria mais fácil se eu apenas voltasse a ser como era.Mais fácil é, com certeza.Melhor, nunca.
Vlw pelo selo!

Carool; disse...

Aaah já passei por muitas coisas por amor. Chorei e muitas vezes ainda choro por uma pessoa que não merece nada. Há dois anos já, por mais que ele me magoe, me faça sofrer, eu não consigo deixar de amá-lo. Mas entre idas e voltas, essa eu acho que agoravfoi definitivo, não tem mais volta.. o que me resta é continuar a viver e agradecer por ele ter me feito feliz por um ano e três meses..
aaah teria muita coisa pra contar ainda, mas não queria relembrar muito o passado.

também já fui nerd, já tentei ser emo... passei por momentos bem parecidos com os seus.
beijo migs :*

Manuuh disse...

Oii! Tem um selinho pra você lá no meu blog! BjO!

http://sweetandfun.blogspot.com/

Anônimo disse...

Tem alguem aqui que te ama verdadeiramente. Não sendo esse da história. Aliás que bela história.
Te amo.